Taxa de um financiamento imobiliário

Veja aqui algumas taxas de financiamento de imóvel

À medida que desejamos adquirir um imóvel, precisamos tomar cuidado com taxas quando damos entrada para financiar um imóvel. Veja quais cuidados são esses.

Que Taxas Pagamos Quando Financiamos Um Imóvel?

Ao financiar um imóvel, quais taxas geralmente são cobradas?

Para os que desejam comprar um apartamento ou casa em território brasileiro, deve antes buscar saber quais são as taxas que as financiadoras costumam cobrar. Veja a seguir quais as taxas mais conhecidas no mercado imobiliário.

*Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI)

Quando você deseja comprar um imóvel em alguma cidade, você deve saber que, as prefeituras têm o costume de cobrar essa taxa. Seu valor é uma taxa de 2% sobre o valor do imóvel, logo se você compra um imóvel no valor de  R$ 73.256, esse valor é bem reduzido.

Se queremos compreender como é feito a cobrança desse imposto, devemos entender que, para o mesmo imóvel existem dois tipos de valores:

1- O valor venal (preço de mercado, que realmente pode ser cobrado;

2- O valor de transação, que é o preço que pagamos;

Confira um exemplo:

Quando você desenvolve um anúncio de uma venda de 155 mil reais (valor venal), e vende o mesmo imóvel por 150 mil reais (valor de transação).

A cobrança do ITBI se dá pelo valor da transação, logo a cobrança desse imposto, pode mudar de município a município. Cada município pode cobrar até 2%, do valor total da casa.

3- Observe o que é cobrado no momento do registro.

Após emitir o registro pelo cartório, você já pode dizer que é proprietário do imóvel.

No registro, são embutidas cobranças de várias taxas, e ainda você deve lembrar o valor do imóvel. É fundamental que você veja as tarifas que são cobradas, em todas as fases do processo de compra.

Confira como são cobradas as taxas:

Se você adquire um imóvel por R$ 150000,00, será cobrado o valor de R$ 2.271,74 pelo registro do imóvel, esse valor é estipulado no estado de São Paulo.

4- Veja como é feita a cobrança da escritura pública.

Somente é feita a cobrança da escritura pública, quando compramos um imóvel e realizamos o pagamento à vista. Quando você realiza o financiamento, o contrato com o banco é o equivalente à escritura pública.

Se precisar, peça ajuda para um advogado tributarista.

Para evitar cobranças abusivas, por parte das financiadoras, você deve pedir para um advogado especialista em tributos, analisar seu contrato, para confirmar se as financeiras estão praticando o que é permitido por lei.

Concluindo.

Ao decidirmos financiar um imóvel, devemos ter sempre cuidado com as taxas. Por questões de controle financeiro, e para não se endividar, você deve consultar cada valor que é cobrado, e se houver algum valor abusivo, você precisa recorrer.

Consulte todas as taxas que são cobradas aqui no estado de São Paulo, antes de pesquisar os preços dos imóveis. Em caso de dúvidas, sempre reforçamos que você deve pedir ajuda ao jurídico.

E se alguém te passar algum valor extrapolante, você deve pensar bem antes de iniciar um processo de compra.

Emprestimo para Autonomo

A maior agência de empréstimos em todo o Brasil: Empréstimo para Autônomo, Empréstimo para Negativado e Assalariado com nome sujo.

Informações de contato

Atendemos todo o Brasil.

  (11) 4112-0910
  contato@emprestimoparaautonomo.com.br

  Segunda - Sexta: 08:00 - 18:00

Receber novidades

Preencha os campos e receba novidades.